Norte/Noroeste

Justiça condena empresário no Norte do estado a 12 anos de prisão

Um empresário do setor de rochas foi condenado pela Justiça, na última quinta (22), a 12 anos de prisão por homicídio qualificado, atendendo a ação penal do do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio da Promotoria de Justiça de Água Doce do Norte. O empresário matou a tiros um ex-empregado. O crime aconteceu no ano passado, em Água Doce do Norte, região Norte do Estado.

O crime:

De acordo com a denúncia, por volta das 16hs:20min do dia 15 de agosto de 2017, nas dependências da empresa Digramar Granitos do Brasil LTDA-EPP, localizada no Polo Industrial, as margens do Rio São Mateus, em Água Doce do Norte, o autor do crime, identificado como Evandro Ferreira de Souza, matou a vítima, identificada como Jadilson Jesus Salazar Macias, deferindo-lhe disparos de arma de fogo e que lhe atingiram o ombro esquerdo, a mão e a coxa direita, sendo os ferimentos provocados causa suficiente de sua morte por hemorragia.

Na ocasião, o acusado, em seu veículo, dirigiu-se ao estabelecimento, no local do trabalho da vítima, e foi ao encontro com ela, momento em que trocou breves palavras e em seguida efetuou os disparos contra Jadilson, causando a sua morte.

Ainda, de acordo com a denúncia, o homicídio foi cometido por motivo fútil e praticado de forma que dificultou a defesa da vítima.

Mais informações você pode clicar nos links abaixo:

Veja denúncia

Veja sentença

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios