Thyago Valadares será sepultado nesta quarta em Nova Venécia

Por Rafael Ribeiro 06/08/2019 - 23:47 hs
Foto: Reprodução/Redes Sociais.

O corpo do técnico de enfermagem, Thyago Rodrigues Valadares, está sendo velado no Lions Clube, em Nova Venécia, região Noroeste do Espírito Santo. A morte encefálica do rapaz foi confirmada na madrugada desta terça (06), pelo Hospital Roberto Silvares, onde estava internado desde segunda (05).

O sepultamento está previsto para acontecer nesta quarta (07), às 17hs, no cemitério São Marcos, em Nova Venécia. Uma hora antes, também está previsto uma celebração de corpo presente.

Entenda o caso:

O técnico de enfermagem tinha sido visto pela última vez na madrugada do último sábado (03), nas proximidades da rodoviária de Nova Venécia, onde pegaria um ônibus para trabalhar em um plantão no hospital Roberto Silvares em São Mateus. 

Na manhã de ontem (05),  foi encontrado desacordado no quarto de um hotel na avenida São Mateus, no centro de Nova Venécia e os funcionários do hotel precisaram acionar a polícia, de acordo informações. Thyago foi resgatado e encaminhado para o hospital São Marcos e posteriormente, transferido para o hospital Roberto Silvares em São Mateus. Inicialmente, foi informada a morte de Thyago tinha sido informada, mas o hospital negou, pois precisa obedecer um procolo para a confirmação de morte encefálica.

Em entrevista ao Jornal Tribuna do Cricaré, uma amiga, que não quis ser identificada, informou que Thyago tinha sido visto pela última vez em uma festa em Nova Venécia, na noite de sexta-feira (02). E no sábado, ele teria perdido o ônibus para trabalhar e a carona, e por isso, tinha alugado o quarto no hotel. Ela informou ainda que o técnico de enfermagem teria usado um coquetel de remédios, "para ficar acordado".

Em nota, a Polícia Civil diz que o caso seguirá sob investigação da Delegacia Especializada de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) de Nova Venécia, para averiguar se trata de ato criminoso e que mais informações não serão passadas para não atrapalhar as investigações. A polícia informou ainda que o quarto onde Thyago estava, foi vistoriado e objetos foram recolhidos.

Familiares e amigos do rapaz lamentam a morte do rapaz nas redes sociais, pois é muito querido, principalmente nos hospitais onde atuou.

O Hospital Roberto Silvares, onde Thyago prestava serviços, emitiu uma nota de pesar. Veja na íntegra:

“Agradecemos primeiramente, a oportunidade que nos foi dada de conviver e trabalhar ao lado deste rapaz de máximo profissionalismo e competência no dia a dia dos plantões no Hospital Roberto Arnizaut Silvares. Será sempre lembrado pela sua alegria no trabalho, carinho com os amigos e a prestatividade que dedicava à todos, pacientes, colegas e visitantes. Ficam nossos mais sinceros pêsames aos familiares e amigos. Desejamos força à todos neste momento de perda e tristeza.”